Fazendo História | Na busca por inovação, Biólogos geram impacto na área de medições e metrologia

"Atuo na chefia do Laboratório de Microbiologia(LAMIC) do Inmetro e realizo pesquisas na área de metrologia microbiológica, estudando métodos de medição (identificação e quantificação) de bactérias. Pretendemos alcançar e disseminar a rastreabilidade das medições envolvendo amostras biológicas. Esta é uma área relativamente nova para a metrologia científica e de grande impacto para a sociedade. Nosso objetivo é alcançar maior confiabilidade nos resultados das medições e sua comparabilidade global. Isso tudo se dá através de sistemas de medição da mais alta ordem ou rigor metrológico e, sempre que possível, com rastreabilidade ao Sistema Internacional de Unidades (SI).

Medições e metrologia em biologia são essenciais a vários setores da sociedade, pois são utilizados em atividades que incluem o controle da produção, avaliação da qualidade do meio ambiente, da saúde, da segurança e qualidade de materiais, alimentos e outros produtos. Como exemplo aplicado à pandemia e setores da biotecnologia, podemos citar os chamados Bioensaios. No Inmetro temos trabalhado na área de desenvolvimento e validação de novos métodos, na tentativa de produção de Materiais de Referência Certificados e treinamentos para melhoria das nossas medições.

Minha rotina com a pandemia mudou completamente. Essa tarefa foi desafiadora, pois tivemos que conciliar umanova rotina de trabalho remoto. Sinto muita falta das atividades presenciais, dos experimentos na bancada no laboratório, atividade que amo. Porém, com a pandemia,tive acesso a diversos cursos, treinamentos à distância, e tenho realizado e participado de reuniões e videoconferências, além de vislumbrar uma possibilidade maior de participar e acessar virtualmente congressos eencontros científicos. Também tivemos maior acesso àliteratura científica, principalmente ao tema da COVID(pois diversas editoras e centros de pesquisa disponibilizaram material gratuito). Neste período,inclusive, elaborei projetos voltados ao tema da COVID, de forma rápida e conjunta.

A COVID-19 impactou a sociedade e evidenciou ainda mais a importância do Biólogo e de nossa atuação com a pesquisa nas áreas da Biotecnologia, Saúde e Meio Ambiente. O mundo todo se voltou para investir em pesquisas para impedir a disseminação do coronavírus. Estamos vivenciando uma corrida em busca de métodos de diagnóstico (como por exemplo, testes moleculares), bem como de vacinas e/ou novas formas de tratamento. É evidente que a melhor forma de enfrentamento de uma pandemia é com conhecimento, daí a importância de se investir cada vez mais em ciência e biotecnologia, e em profissionais bem capacitados".

Relato da Bióloga Janaina Japiassu de Vasconcelos Cavalcante (CRBio 029742/02-D), integrante da Comissão de Biotecnologia e Produção do Conselho Federal de Biologia (CFBio), doutora em Bioquímica, pesquisadora e chefe do Laboratório de Microbiologia do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), e Conselheira do CRBio-02.

[Postado em 28/8/2020 | 100 visualizações]